Erro ao cadastrar: SQLSTATE[23000]: Integrity constraint violation: 1048 Column 'online_ip' cannot be null

Esgoto Vai Parar Dentro De Casa No Bnh - Jornal Bom Dia

Esgoto Vai Parar Dentro De Casa No Bnh

Esgoto Vai Parar Dentro De Casa No Bnh

O asfalto da Avenida Presidente Vargas (BNH), inaugurado por duas vezes pela Prefeitura de Santa Isabel, terá que ser quebrado novamente. Desta vez, o serviço realizado no local afeta a saúde pública dos moradores. É que, sem trocar a tubulação antiga, a prefeitura asfaltou a via e todo o esgoto da vizinhança invadiu uma residência.

O problema afeta a moradora Elizete Rampini, que já denunciou o caso aos órgãos competentes. Ela mostrou o estado em que fica o banheiro social da casa e se disse preocupada com a saúde dos moradores.

“Já cansei de denunciar, tanto na prefeitura, quanto na Sabesp e ninguém faz nada. O esgoto de toda a rua vem parar dentro da minha casa. Isso é caso de saúde pública. Um absurdo”, reclamou.

Segundo informações, o problema surgiu depois que a prefeitura asfaltou a rua antes mesmo de fazer a troca da manilha. Com o material antigo, todo o esgoto que vem da vizinhança foi parar na casa de Elizete.

“A minha casa esta cheia de esgoto, por conta disto nem conseguimos usar o banheiro. Tem outras casas no bairro que estão passando pela mesma situação, mas mesmo assim nenhuma equipe veio até o local resolver o caso”, contou a moradora.

Responsável pelos serviços domésticos da residência, Gisele Silva Garrido, lamentou a situação. Ela teme uma possível contaminação por conta do esgoto e pede solução. “Não posso continuar limpando essa sujeira toda. É perigoso. Alguém precisa tomar providências”, reforçou.

Em contrapartida, Elizete afirma desembolsar cerca de R$400,00 mensalmente de conta de água e esgoto. Ela ainda reclamou da Sabesp por não trocar o relógio, que segundo ela, é antigo.

“É outro problema que já cansei de pedir solução. O relógio continua sendo o mesmo há anos e a Sabesp não fez a troca apesar de eu solicitar por diversas vezes”, disse.

A Sabesp informou que já enviou uma equipe até a rua para avaliar a situação. A princípio, a estatal constatou que a rede coletora de esgoto opera normalmente.