Erro ao cadastrar: SQLSTATE[23000]: Integrity constraint violation: 1048 Column 'online_ip' cannot be null

Criminosos Furtam R$90 Mil Em Combustível Em Santa Isabel - Jornal Bom Dia

Criminosos Furtam R$90 Mil Em Combustível Em Santa Isabel

Criminosos Furtam R$90 Mil Em Combustível Em Santa Isabel

Essa é a segunda ocorrência de furto de combustível em duto da Transpetro em Santa Isabel. A primeira ocorreu há três meses, quando o combustível vazou e atingiu o Rio Parateí, próximo a Rodovia Presidente Dutra.

De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia da cidade, o crime teria ocorrido por volta das 21h do dia 2 de maio, porém, foi o caso foi registrado nesta

quarta-feira, 9.

Os responsáveis pela empresa disseram que por conta de baixa de pressão no transporte de combustível nos dutos Transpetro nos dias 19 e 25 de abril, fez com que representantes da empresa inspecionasse os dutos na região. A inspeção terrestre resultou na derivação clandestina em um duto RP18, localizado na Estrada do Santíssimo - Fazendo Cafundó, no Parque São Benedito. Lá, os representantes da Transpetro observaram o solo com ‘terra fofa’ e indícios de escavação, com aproximadamente 2,25 metros de profundidade.

Para os responsáveis pela empresa petrolífera, o perfil dos criminosos que praticam este tipo de furto em Santa Isabel, são de pessoas com conhecimento em sondagem da faixa de dutos, escavadores com ferramentas anti-explosivas, soldador caldeireiro, instalador hidráulico, transporte e distribuição armazenamento e receptador.

A empresa avalia um prejuízo de R$90 mil em combustível e mais R$400 mil em manutenção e reparos.

O furto de combustível em Santa Isabel foi notificado aos órgãos de controle ambiental, assim como à ANP (Agência Nacional de Petroleo).

OUTRO CASO

Na madrugada do dia 14 de fevereiro deste ano, após uma tentativa de furto em um duto da Transpetro, um vazamento de combustível atingiu o Rio Parateí, em Santa Isabel. O crime foi em uma área da Estrada Arthur Cytrynowicz - conhecida como Estrada do Itapeti, no limite com Guararema. A estrada fica perto da Rodovia Presidente Dutra, onde há pontos com forte cheiro de combustível, mas o trânsito flui normalmente.

Na ocasião, os bombeiros disseram que o vazamento havia sido provocado após uma tentativa de furto de gasolina. A Cetesb afirmou que em um ponto do Rio Parateí houve "alto índice de explosividade". Algumas famílias tiveram que sair de casa por precaução. Uma moradora, ao sentir o forte cheiro, passou mal.

Na época, o sargento do Corpo de Bombeiros, Fernando Gonzales Carias disse que um jato de cerca de dois metros de altura saia do duto. “Várias conexões e tubos foram encontrados ao longo da mata. Possivelmente estavam fazendo a instalação desse encanamento para tentar consumar o furto.”, disse , na oportunidade.

Cerca de 15 famílias deixaram suas casas momentaneamente por razões de segurança e já foram liberadas para retornarem. Equipes de emergência estiveram no local trabalhando para recolher o produto e realizar o reparo no duto.

O vazamento atingiu o solo às margens do Rio Parateí e a água. Os criminosos deixaram no local materiais que seriam usados para o desvio.